98 | Ser vegano


Baixar MP3Baixar ZIPAssinar o Feed

 

Neste episódio, Rafael Franças (@literariocast) e Mateus Lins (@mr_lins)  ouviram o depoimento do companheiro de programa Marcos Dorian Sá (@marcosdorian) sobre ser vegano e como a prática pode gerar diversos benefícios.

 

Baixe o programa

 

Para realizar o download do programa, clique com o botão direito do mouse em “Download” acima, e clique em “Salvar link como…“.

Para baixar no formato .zip, clique com o botão direito do mouse em “Download“, e clique em “Copiar endereço do link“. Em seguida, abra o link “Zip” acima, vá no espaço indicado, clique com o botão direito do mouse e clique em “Colar“. Clique em “Convert file“.

 

Não deixe de conferir

 

Links citados sobre o Veganismo
Dica da Vez

Livro – Livro de Receitas do VegetariRANGO

Filme – I Origins (Trailer)

Série – American Crime Story (Trailer)

Programa comentado na leitura de e-mails

 

Acompanhe os próximos programas

 

Assine o LiterárioCast no iTuneshttp://itunes.literariocast.com/

Curta nossa Fan Pagewww.facebook.com/literariocast

Nos siga no Twitterhttps://twitter.com/literariocast

Nos siga no Google+https://google.com/+LiterariocastPodcast/

Para críticas e/ou sugestões envie e-mails para: contato@literariocast.com

Feed do LiterárioCasthttp://feeds.feedburner.com/literariocast

Visite nossa página no YouTuner.

Visite nossa página no PodFlix.

Visite nossa página no Audio Livros | Saraiva.

  • Petrus Augusto

    É… Vi vários erros argumentativos, sem falar em forçar a barra afirmando que ‘o ser humano não é feito para comer a carne’ (opá, a biologia diz o contrario) e sem falar em colocar sua visão/opinião/ideologia melhor que os de mais (comparar vaca com o seu humano é lasca viu… Isso é opinião sua, e apenas sua… Não há argumento racional que faça a ‘Vaca ser melhor que o ser humano’… E digo mais, não adianta vim com o papo de ‘é uma vida’… Pois, se a vaca tivesse a chance de lhe matar para se alimentar, ela vai).

    Outro ponto: O ser humano é diferente de outros animais, por causa do nosso poder cognitivo, uma delas, nos permite usar a inteligência…. Usar isso de ‘não vencemos outros animais na luta’ é burrice (desculpe a palavra), é o mesmo que pediu para um leão não usar seus recursos naturais (dentes, forças).

    Nosso ‘recurso’ natural é a inteligência, se isso nos dar a habilidade de matar outros seres a distância, qual é o problema? Ah, mas na força bruta não conseguimos.. Tá certo, pq, não evoluímos para sermos fortes e sim inteligentes, tão difícil entender isso? Ah, mas os outros animais não tem isso, azar o deles… Nós não temos a força de um gorila, vamos pedir para ele não usar os braços se tivermos q entrar em confronto? Azar o nosso não sermos forte e temos que enfrenta-lo na área que ele é biologicamente/adaptativamente melhor que nós…

    Sério… Quando dizem que não gostam de vegetarianos, em geral, é por causa disso.. Argumentos mal montados (que eles acham incríveis) e uma vontade absurda de colocar sua opinião acima dos demais (a historia da vaca, por exemplo)..

    Respeito sim, acho o máximo a sua força de vontade e seguir com a sua escolhe… Mas, não acredite que há argumentos de fato bons para ser vegetariano (argumentos biológicos, médicos, ou lógicos), pois não há.. Apenas, apelo emocional. (e isso não é errado, apenas, se torna algo totalmente subjuntivo).

    Desculpem o textão, e, se soou agressivo ou arrogante em algum ponto, me perdoem.. De modo algum eu quis parecer isso.

    • Tranquilo Petrus, comentaremos mais detalhadamente o seu comentário na próxima leitura de e-mails ok? Até mais e obrigado por ouvir/comentar!

      • Petrus Augusto

        Tranquilo..
        Mais uma vez, se em algum momento soou agressivo/arrogante, por favor, me aponte.. Sei que tenho um certo problema em me expressar de modo mais ‘delicado’, e, venho procurando melhorar isso. xD

  • Roberto

    Concordo com o Petrus Augusto. “O corpo humano não foi feito para comer carne.” Ler: Sorry Vegans: Here’s How Meat-Eating Made Us Human http://time.com/4252373/meat-eating-veganism-evolution/

    Isso de desrespeitar vegetariano é errado mesmo, mas os vegetarianos adoram incomodar e tentar doutrinar quem come carne. Eu acredito que comer salada com carne não é pretexto de tentar algo mais saudável porque estou comendo carne, e sim que os dois itens se complementam para uma vida saudável. Acredito que os vegetarianos também podem ser saudáveis sem comer carne, apesar da deficiência de nutrientes que devem ser compensada. Acho também que ser vegetariano é mais uma decisão política e emocional do que a ideologia costuma passar.

  • Carol Bardese

    Já acompanho o Literáriocast há um bom tempo, mas nunca comentei… hoje não me segurei (e já venho com textão, desculpa rs)…
    Parabéns pelo tema, foi a primeira vez que vi um podcast abordar o veganismo <3
    Não compreendo qual é o problema das pessoas entenderem que "não queremos matar" e ai temos que ficar justificando isso… realmente cansa…
    Mas preciso fazer umas observações! Ovolactovegetariano é a pessoa que não come nenhum tipo de carne (nem peixe rs) mas ainda consome ovos, leite, mel… vegetariano estrito não consome nada de origem animal (seja por motivos de saude, de religião, etc) e vegano não consome nem utiliza nada que venha de animais ou que necessitou da exploração desses (não utiliza couro ou peles, não compra produtos testados em animais ou que contenham substâncias de origem animal, como exemplo em cosméticos e produtos de limpeza). Normalmente o vegano é o mais ativista de todos, porém nada impede que uma pessoa ovolacteaveg pare de usar couro ou produtos testados, por exemplo…
    É claro que nunca estaremos 100% livres da exploração animal, mas fazemos o máximo ao nosso alcance para evitar isso. É uma questão de consciência e compaixão… é saber que eu, pessoa urbana, que compro meus alimentos no mercado, não preciso matar pra viver e ser saudável!
    Outro ponto, nem sempre ver e participar do processo faz com que a pessoa pare de comer carne… veterinários e zootecnistas acompanham o abate de milhares de animais diariamente (ou pelo menos na faculdade) e poucos são vegetarianos/veganos… sou veterinária e durante a faculdade ainda comia!
    Existe um termo no veganismo chamado "especismo", que é qdo não conseguimos nos colocar no lugar dos animais e entender seu sofrimento… é por isso que a comparação com a vaca gerou um certo incomodo! Mas essa comparação é feita é para explicar que eles são sencientes (como afirma a declaração de Cambridge, em "The Cambridge Declaration on Consciousness") e vão sofrer tb pela perda desse filhote… se vc não precisa daquilo (e não precisa mesmo além de querer agradar o paladar), pra que gerar esse sofrimento?
    Por ultimo, alguns livros que valem a pena a leitura. O primeiro é o "Por Que Amamos Cachorros, Comemos Porcos e Vestimos Vacas" (Melanie Joy), que fala sobre exatamente o que está no título, explicando a atual cultura. O segundo é o "Virei Vegetariano e agora?" (Eric Slywitch), que serve como um guia pra quem quer ser vegetariano mas não sabe por onde começar e por ultimo é o "Jaulas Vazias" (Tom Regan), que ainda não tive oportunidade de ler (pois nunca achei pra comprar, pegar emprestado, fazer download, etc), mas como é um livro que mta gente comenta e já me relataram que foi o que fez mudar a visão completamente, fica aqui a dica! Mas existem milhares de livros, principalmente de receitas, então vale a pena dar uma pesquisada na internet…
    OBS: Que pena que o Marcos comentou pros convidados da festa que tinha opção com carne, caso contrário tenho certeza que iam comer a opção vegana e nem iam perceber rs… experiência própria!

    • Olá, tudo bem Carol? Nossa… existem tantas ramificações assim mesmo!? Enfim, iremos fazer a leitura do seu comentário no próximo programa, ok? Até mais e obrigado por ouvir/comentar!

      • Carol Bardese

        hahaha pior que existem mais! Como o Marcos falou, tb tem o crudívorismo (ou “alimentação viva”, e quem segue consome pelo menos 70% dos alimentos crus ou com um mínimo de preparação), tem o frugivorismo (pessoas que se alimentam em maioria de frutas), tem pessoas que se alimentam de “prana” (energia), e por ai vai. Esses não estão ligados ao veganismo em si (pq veganismo mesmo diz respeito aos animais), mas normalmente a pessoa já é vegana e vai conhecendo essas novas vertentes de alimentação…
        Além, a pessoa pode ser somente ovovegetariana ou lactovegetariana… Mas tudo isso não passa dos muitos rótulos do dia a dia (mas que facilitam na busca do google)!! 😀

  • Ludmila F.

    Olá, Rafael,
    Interessante o debate, mas o que temos que aprender mesmo, veganos ou carnívoros, é comer menos. Comer menos tem efeitos positivos na saúde, na sustentabilidade, na economia doméstica, no espelho…
    Quando o sai o cast sobre Comida e Literatura? Deu até vontade de comer madeleines proustianas.
    Ludmila, gorda, das Letras. Gama/DF

    • Olá Ludmila! Mas que diabo é madeleines proustianas??? kkk

  • Fala pessoal! Muito interessante essa discussão! Admiro muito o vegetarianismo e, em breve, pretendo me tornar vegetariano.

    Sobre a afirmação do Marcos de que quem quer se tornar vegetariano não pode ler a Bíblia eu discordo. Acredito que ele tenha mencionado o capítulo 11 de Levítico, onde existe uma lista de animais que são LÍCITOS para alimentação. Não diz que são obrigatórios!

    Assim como não há na Bíblia um texto que proíba você de dar um cascudo em seu primo mas, não é por isso que você deve fazê-lo.

    Em minha religião a Bíblia é estudada com afinco e muitos dos meus amigos são vegetarianos.

    Obrigado pelo espaç e pela discussão saudável.

    Parabens pelo programa e pelo cast #100 que está chegando!!!!

    Grande abraço
    Fabinho

  • Gente, espero que façam outro episódio sobre veganismo com uma pessoa capaz de argumentar cientificamente e logicamente sobre o assunto. Sem ofensa pessoal ao Marcos, mas ele não representou bem nós veganos e vegetarianos, com muito argumento furado e sem se aprofundar nos argumentos políticos sobre produção da carne.

    • Olá Bruna. Você conhece alguém que poderia participar, caso fosse realizado um novo programa? Creio que o Marcos apenas apresentou as motivações dele e não significa que ele esteja errado ou o que ele falou seja regra.

      • Pedro Vinícius Novaes

        O cara com conhecimento científico de sobra pra esse papo é o Eric Slywitch.
        Taca no google que não falta informações sobre quem ele é e o que ele faz.
        O site dele é esse: http://alimentacaosemcarne.com.br/

  • Pingback: LITERÁRIOCAST 99 | Mitologia japonesa | LiterárioCast()